Por Henrique Ruocco

Como vimos na parte 1 deste artigo, a inteligência emocional é a capacidade de uma pessoa reconhecer e controlar suas emoções para guiar seus pensamentos e comportamentos de uma maneira positiva, a fim de alcançar seus objetivos. Agora, vamos discutir um pouco sobre como os atributos da inteligência emocional se relacionam com os cinco valores do Scrum, e como são importantes para papéis chaves dentro do time, como o Scrum Master.

Vamos lá!

Cinco valores do Scrum Values: Coragem, foco, comprometimento, respeito e abertura. Vamos ver como se correlacionam com os atributos da inteligência emocional
Cinco valores do Scrum: Coragem, foco, comprometimento, respeito e abertura

Autoconsciência vs foco

O Scrum Master, por representar um ponto principal dentro do time ágil, precisa estar ciente do efeito que ele exerce sobre todos que estão à sua volta. Ele precisa ter autoconsciência para reconhecer suas emoções e enxergar como elas podem afetar sua atuação frente à equipe.

Por isso, ao trabalhar sua autoconfiança o Scrum Master consegue se portar melhor em situações conflitantes o fazendo refletir sobre seus pontos positivos/fortes e negativos/fracos, tendo a oportunidade de desenvolver o autoconhecimento e, a partir disso, procurar ações para melhorias.

Afinal, quantas vezes não nos deixamos abater por situações e acabamos ficando mal por um bom tempo? A autoconsciência permite enxergar aquilo em que você precisa trabalhar internamente para ajudar a aprimorar o foco no objetivo da sprint.

Autogestão vs coragem, abertura e respeito

Gerenciar o seu estado pessoal, saber controlar os sentimentos e comportamentos são habilidades muito importantes. Com isso, para ser um bom Scrum Master, é necessário manter a postura, a conduta ética e a positividade para com o seu time.

A autogestão permite o controle dos anseios e dos comportamentos impulsivos, aprendendo a gerenciar suas emoções de maneira saudável, obtendo coragem para tomar iniciativas – que antes não eram feitas por conta de inúmeros pensamentos preocupantes -, cumprindo melhor seus compromissos e se adaptando facilmente às mudanças, isto é, se tornando resiliente. Aqui o autocontrole é a chave para se manter de cabeça fria e agir da maneira mais sensata em situações de conflito, sejam elas internas, entre os membros do time, ou, até mesmo, quando um cliente se chateia e acaba sendo impulsivo. É o famoso, parar, respirar fundo e pensar antes de agir.

É necessário criar empatia para que de forma racional você consiga entender o que o outro está sentindo. Lembre-se para ser agente de mudança é necessário ter a capacidade de compreender o que cada integrante do time está passando, consequentemente, aumentando o vínculo pessoal com cada um, permitindo uma maior abertura para com a equipe.

A consciência social é um ponto fundamental para líderes, pois é o que o aproxima o todo e faz com que haja respeito. Compreender os sentimentos dos membros e tentar sentir na pele o que o outro está passando eleva muito o grau de confiança entre os integrantes.

Gerenciamento de relacionamento vs comprometimento

A partir do momento em que você compreende tudo o que está acontecendo ao seu redor, um bom Scrum Master precisará de habilidades de comunicação eficazes e de gerenciamento de relacionamento para influenciar efetivamente boas mudanças entre as pessoas. Ou seja, saber como desenvolver e manter bons relacionamentos, inspirar outras pessoas pela forma clara e livre de se comunicar, influenciando positivamente os membros do time. Isso melhorará seu trabalho em equipe, gerará comprometimento, permitindo-lhe gerenciar melhor os conflitos já que os outros têm confiança em suas ações.

Se pararmos para observar, podemos ver que os valores do Scrum estão claramente ligados à maneira como o Scrum Master lida com seu time. E que a inteligência emocional é um excelente guia para levar, não só o Scrum Master, mas todos que o rodeiam a atingir metas e objetivos.

Bom, já sabemos que a inteligência emocional é muito importante para nosso dia a dia, mas como podemos treiná-la? Todos nós temos capacidade de melhorar esses atributos? Há alguma maneira de aprender novas habilidades emocionais?

No próximo e último artigo, tentarei abordar como podemos fazer tudo isso. Até lá!

Henrique Ruocco é Pós-Graduado em Administração de Projetos, possui quase 10 anos de experiência profissional na área de TI. Apaixonado pela área ágil, principalmente Scrum, adora ler e estudar assuntos relacionados ao tema. É Professional Scrum Master I, Professional Product Owner I e II e Professional Scrum with Kanban. Nas horas vagas, gosta de pegar um lápis e borracha para rabiscar alguns desenhos.

Quer acelerar a transformação digital da sua empresa?_

Nós te ajudamos a prever tendências e alcançar objetivos futuros.

Telefone +55 (11) 3504-1100 Email contato@programmers.com.br                    Entre em contato